Para continuar crescendo, linha branca busca manter IPI reduzido em 2013

Para continuar crescendo, linha branca busca manter IPI reduzido em 2013

Os presidentes do IDV (Instituto de Desenvolvimento do Varejo) e da Eletros (Associação Nacional de Fabricantes de Produtos Eletroeletrônicos) deram apoio para que a redução do IPI referente aos produtos da linha branca seja mantida no ano que vem. A medida, que já foi prorrogada duas vezes neste ano, está prevista para terminar no último dia de 2012.

Segundo Fernando de Castro, do IDV, as vendas de fogões, geladeiras, lavadoras de roupas, entre outros itens beneficiados, poderão manter as taxas de crescimento de 10% a 15%, caso a redução do IPI seja prorrogada novamente pelo governo federal. Já Lourival Kiçula, da Eletros, acredita que os avanços de 10% a 15% podem não se repetir, mas crescimento de 5% a 10% são possíveis.

Ambos entendem que a combinação de alto potencial do mercado interno, dado à baixa penetração de produtos da linha branca na sociedade brasileira, além do benefício do IPI, podem manter as vendas aquecidas. Recentemente, uma pesquisa mostrou que 30% dos lares brasileiros ainda possuem apenas um ou dois eletrodomésticos.

 

Fonte: Portal Exame