Unilever tem a missão de aumentar as operações no Brasil

04/05/2012 08:02

Neste ano, uma das tarefas de Fernando Fernandez, novo presidente da Unilever Brasil, que assumiu o cargo em setembro do ano passado, será tornar a operação mais eficiente para repassar "o mínimo possível" dos aumentos de custos das commodities ao consumidor.

A Unilever é líder disparada na categoria de bebidas de soja. Em 2010, tinha 44,9% de participação, bem à frente da segunda colocada, a Yoki, com 7,7%. Essa categoria movimentou R$ 1,2 bilhão no ano passado, segundo a Euromonitor.

Há uma semana, a companhia informou, no relatório de resultados globais do primeiro trimestre, que o crescimento das vendas da bebida perdeu fôlego no período, devido aos aumentos de preços motivados pela alta da soja. "Estamos investindo mais forte em publicidade da marca Ades e em tamanhos menores, para uso fora do lar", diz Fernandez.

No Brasil desde 1930, a Unilever vende 700 produtos e 25 marcas no país. A filial é a segunda maior da empresa, com faturamento de R$ 11,9 bilhões em 2011, um crescimento nominal de 8,1%. A operação global cresceu 5% no mesmo período, para €46,5 bilhões. "No Brasil, ter uma presença nacional dá uma vantagem competitiva importante", diz Fernandez. A companhia tem hoje 11 fábricas e 29 centros de distribuição no país.

 

Fonte: Valor Econômico