Preços nos supermercados caem 0,11%

18/04/2012 17:52

 

O Índice de Preços dos Supermercados (IPS/APAS), calculado pela APAS/FIPE, apontou queda de 0,11% nos três primeiros meses de 2012.

 

 

 

Segundo a avaliação da APAS – Associação Paulista de Supermercados, a evolução dos preços no primeiro trimestre foi favorável e deve auxiliar no processo de desaceleração ao longo de 2012. Considerando apenas as variações observadas em março, a alta foi de 0,58% quando comparada a fevereiro, e somou 5,36% em 12 meses.

Em março, os preços dos alimentos apresentaram crescimento de 0,46% puxados pela elevação de 4,78% dos produtos in natura, que integram a categoria FLV (frutas, legumes e verduras). A alta dos preços foi provocada pelo período irregular de chuvas em janeiro, fevereiro e março, que afetou a produtividade do setor, e consequentemente, a oferta destes produtos aos consumidores. Entre estes produtos o destaque foi os preços de frutas (5,23%), tubérculos (8,08%) e legumes (0,74%). Os itens que apresentaram o maior crescimento foram laranja (10,04%), banana (4,59%), mamão (15,52%), tomate (2,72%), cenoura (1,53%), batata (3,56%) e cebola (32,61%).

Outro impacto para o índice de março foram as bebidas, que registraram alta de 1,24%, sendo 1,40% para as bebidas não-alcoólicas e 0,93% para as alcoólicas, motivado pelo preço da cerveja (1,06%). No caso das não alcoólicas, a alta verificada deve-se ao refrigerante (1,85%) e a bebida isotônica (2,29%).

Neste início de ano a indústria vem promovendo alguns reajustes para repassar a inflação registrada em 2011 - e isso impactou nos preços em março. No acumulado de 2011 o preço das bebidas alcoólicas aumentou 1,91% e o das bebidas não-alcoólicas cresceu 1,30%. Em 12 meses a alta é de 8,60% e 8,12%, respectivamente.

 

Fonte: Valor Econômico