Porque recolher a Contribuição Sindical 2018?

19/01/2018 13:39

O Sindicato do Comércio Varejista de Gêneros Alimentícios do Estado de Rondônia - SINALIMENTOS-RO, atua em todo o Estado de Rondônia, representando e defendendo os direitos e interesses do Comércio Varejista de Alimentos, que compreende (Hipermercados, Supermercados, Mercados, Minimercados, Mercearias e comércio varejista de outros produtos alimentícios não especificados.

 

Vale ressaltar que entre as atribuições do SINALIMENTOS/RO podemos citar: Atuação na conciliação de divergências e conflitos entre as empresas do setor e o Sindicato dos Trabalhadores, celebração de convenções ou acordos coletivos de trabalho, Acordo e Dissídio Coletivo, representação da classe empregadora junto ao Ministério de Trabalho e Emprego, e demais órgãos e instituições que compõe o poder público; Defender os princípios de liberdade para exercer a atividade comercial, lealdade na concorrência e a prática da ética no desempenho da atividade profissional.

 

O pagamento da Contribuição Sindical tem por finalidade o custeio de atividades essenciais das entidades sindicais, permitindo preservar sua autonomia, assegurando que possam defender e representar os interesses da categoria. Com a reforma trabalhista Lei 13.467/17, a Contribuição Sindical tornou-se facultativa e, portanto, restou afastada sua natureza tributária e seu enquadramento na previsão do art. 149 da Constituição Federal.

 

Entretanto, para assegurar uma representação patronal cada vez mais forte, organizada e garantir a continuidade da segurança jurídica e a defesa de interesses das empresas do setor supermercadista, emita a guia da contribuição sindical 2018, acessando o  link - Boleto da Contribuição Sindical – CRCSU, no endereço www.sinalimentos.org.br.

 

O Recolhimento da Contribuição Sindical ocorre anualmente, no mês de janeiro e que tem como base de cálculo o capital social das empresas:

 

CLASSE DE CAPITAL SOCIAL (em R$)

ALÍQUOTA %

PARCELA A ADICIONAR (R$)

de 0,01 a 26.879,25

Contr. Mínima

215,03

de 26.879,26 a 53.758,50

0,8%

-

de 53.758,51 a 537.585,00

0,2%

322,25

de 537.585,01 a 53.758.500,00

0,1%

860,14

de 53.758.500,01 a 286.712.000,00

0,02%

43.866,94

de 286.712.000,01 em diante

Contr. Máxima

101.209,34

 

Data de recolhimento: 31 de Janeiro de 2018.

 

Fonte: Sinalimentos/RO