Inflação de junho é a menor desde agosto de 2010

07/07/2012 12:11

O IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) registrou alta de 0,08% em junho, apresentando uma considerável desaceleração em relação à taxa de 0,36% verificada em maio. O índice acumulado dos últimos 12 meses ficou em 4,92%, também o menor patamar desde setembro de 2010, conforme informou o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

A inflação do primeiro semestre fechou em 2,32%, abaixo dos 3,87% obtidos no mesmo período no ano passado.

O grupo dos alimentos ainda é o que mais empurra para cima o IPCA, com crescimento de 0,68% em junho. Apesar disso, foi notada uma desaceleração neste segmento, em relação à variação de 0,73% no mês anterior. O preço do feijão, que já subiu 46,82% em 2012, finalmente caiu um pouco, com taxa negativa de 1,63% em junho.

Nos índices regionais, o Rio de Janeiro teve a maior alta, com 0,23%, ante 0,07% em maio. A região da capital fluminense também tem o maior crescimento acumulado de preços nos últimos 12 meses, com 5,81%. A região de Fortaleza foi a única a verificar depreciação nos preços em junho, de 0,26%, após subir 0,35% no mês anterior.

O IPCA se refere às famílias com rendimento monetário de 01 a 40 salários mínimos, qualquer que seja a fonte, de nove regiões metropolitanas do País, além do município de Goiânia e de Brasília.

 

Fonte: IBGE por portal Newtrade