Indústria de higiene e beleza deve crescer 12%

07/09/2012 13:52

É o que afirma João Carlos Basilio, presidente da Abihpec (Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos). Os fabricantes de produtos desse setor registraram faturamento de R$ 15,4 bilhões no primeiro semestre, um crescimento real (descontada a inflação) de 10,3% sobre o mesmo período do ano passado, de acordo com a Abihpec. O aumento nominal foi de 15,3%.

Em todo o ano passado, a indústria brasileira do setor faturou R$ 29,4 bilhões. O valor considera o preço de fábrica dos produtos, sem contabilizar os impostos sobre vendas. O mercado brasileiro de beleza está entre os três maiores do mundo e também é um dos que mais crescem.

A distribuição de renda é um dos fatores que mais impulsionam o mercado, segundo Basilio. O faturamento do setor representou 1,7% do Produto Interno Bruto (PIB) em 2011 e a Abihpec calcula que essa participação deverá chegar a 1,9% ou 2% da economia este ano.

 

Fonte: Valor Econômico