GPA volta a trabalhar com conceito hipermercados 24 horas

24/02/2015 07:59

Após ter decidido acabar com esse modelo em maio do ano passado, o GPA (Grupo Pão de Açúcar) voltou a ter alguns hipermercados da bandeira Extra operando 24 horas por dia. Atualmente, são 22 unidades, no universo de 137 hipermercados do Extra.

Segundo o GPA, a decisão foi tomada após a companhia analisar os resultados de expansão para 24 horas adotada em toda a rede de hipermercados durante a semana que antecedeu o Natal de 2014, em função do aumento das vendas com as festas de fim de ano.

"Foi observado que, em algumas regiões do País, havia a demanda pelo serviço durante a madrugada e, para atendê-la, a rede optou por permanecer com o funcionamento 24 horas em 22 unidades estrategicamente localizadas por tempo indeterminado", disse o GPA à Reuters.

"O Extra realiza constantes análises de mercado, estudando o comportamento do consumidor brasileiro e continuará promovendo mudanças com o objetivo de proporcionar a melhor experiência de compras", completou.

Em maio de 2014, o GPA, sob controle do grupo francês Casino, anunciou o fim do funcionamento 24 horas para as 55 unidades do Extra e Pão de Açúcar que operavam assim. Para o Pão de Açúcar, a medida continua valendo.

O recuo para os hipermercados do Extra ocorre após o negócio ter sido o único a apresentar desempenho de vendas negativo em 2014 na divisão alimentar do GPA, que reúne ainda as bandeiras Pão de Açúcar, Extra Supermercado e Assaí, além das marcas de proximidade.

Enquanto a divisão alimentar do GPA viu sua receita líquida total avançar 9,2%no ano passado, a R$ 34,7 bilhões, o Extra Hiper – bandeira de maior representatividade para o negócio – mostrou declínio de 0,1% na mesma linha, a R$ 12,9 bilhões.

Na semana passada, o presidente-executivo do GPA, Ronaldo Iabrudi, afirmou que a companhia adotou a partir do segundo semestre uma renovação das ações comerciais para os hipermercados no Extra em São Paulo para estancar a queda no fluxo de clientes observada nas lojas.

O plano – que contempla maior volume de itens em promoção, foco no acompanhamento de preços em relação à concorrência e aumento de vendedores na área de eletroeletrônicos –  foi agora implementado nos hipermercados do grupo no Rio de Janeiro em fevereiro, e será nas regiões Nordeste e Centro-Oeste em março.

 

Fonte: Agencia Reuters, por redação SM