Desemprego é a principal causa de inadimplência

12/12/2015 08:36

O desemprego é o vilão da inadimplência dos brasileiros. É o que concluiu uma pesquisa inédita realizada pelo SerasaConsumidor feita com 8.288 consumidores. A análise apontou que, para 26% dos inadimplentes, a perda do emprego é a explicação para as contas atrasadas.

O segundo motivo apontado pelos entrevistados é o descontrole financeiro (17%), seguido pelo esquecimento de pagar (7%), o empréstimo do nome para terceiros (7%) e despesas extras com serviços, educação e saúde (7%).
 
No Sudeste, a porcentagem de pessoas que culpa o desemprego pela inadimplência é de 33%. O Nordeste aparece em segundo, com 28%, seguido pelo o Sul, com 23% e o Norte, com 13%.  Na pesquisa, a região Norte é a única do País onde a falta de trabalho não é mencionada como a principal razão para as dívidas não pagas. Nesse caso, as despesas extras com produtos e serviços são a justificativa para 21% dos inadimplentes locais.

Outros dados da pesquisa do SerasaConsumidor mostram que a maioria dos brasileiros quer limpar o nome ainda neste ano. 67% dos entrevistados pretendem renegociar as dívidas atrasadas até dezembro. No Estado de São Paulo, 72% dos inadimplentes garantiram que querem sair do vermelho até o final do ano.

 

Fonte: Redação SM