Acordo Fecomércio/Banco da Amazônia teve evento em Vilhena

15/08/2013 14:37

Com a presença do presidente da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Rondônia, Raniery Araújo Coelho, do vice-presidente da entidade, Pedro Jucá de Oliveira, e tembém presidente do Sindicato do Comércio Varejista do Sul de Rondônia-SINVSUL/RO, do presidente da Associação Comercial e Empresarial de Vilhena-ACIV, Josemário Secco , de Eliar Celso Negri, Secretário de Municipal de Turismo, Indústria e Comércio de Vilhena-Semtic e do Diretor Técnico do Sebrae/RO, Hiram Leal, além de um auditório lotado com grande participação dos empresários da região, na sede do SINVSUL, foi realizado com grande sucesso uma exposição do acordo entre a Fecomércio e o Banco da Amazônia para possibilitar o acesso as linhas de crédito e demais produtos e serviços bancários as pessoas jurídicas associadas à Fecomércio-RO em condições diferenciadas.

Parceria em prol do desenvolvimento do Estado

Na cerimônia destacou-se a importância do acordo como o gerente regional do Banco da Amazônia em Vilhena, sr. Jonas Bassay fez uma exposição das linhas de créditos disponíveis, bem como respondeu a perguntas sobre o acesso ao crédito, inclusive esclarecendo que a  vigência do acordo foi estabelecida de julho até 31 de dezembro de 2013 com a garantia aos associados através de linhas enquadradas no FNO-Fundo Constitucional de Financiamento do Norte, do montante de R$ 300 milhões a taxas de juros efetiva para investimentos de 4,12% ao ano com bônus de adimplência de 15% sobre os juros, o que se constitui numa oportunidade única para fazer novos investimentos com os juros mais baixos do mercado.

O presidente do Sistema Fecomércio/RO, Raniery Coelho, afirmou que “A burocracia e emperra o desenvolvimento, e a Fecomércio busca mecanismos para que se beneficie o empresário e que este possa realizar e executar projetos de investimentos de sucesso em nosso estado”. Além de ressaltar que o acordo procura facilitar a vida do empresário e oferecer a oportunidade de se fortalecer o desenvolvimento do estado com novos investimentos e que, paralelamente, se cuidava de outras necessidades para este objetivo como fazia o Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial-SENAC fazendo a capacitação profissional em Vilhena. O vice presidente e presidente do SINVSUL, Pedro Jucá, pediu aos empresários que se dirijam até ao Sindicato ou à Associação Comercial para colher mais informações e realizar seus projetos de investimentos, seja na aquisição de terreno ou imóvel, na construção ou no aumento de capital de giro. Disse ainda que, “O Sindicato, ao lado da Fecomércio e da Associação, trabalha na busca de melhorias para as empresas e para Rondônia”.

O presidente da ACIV, Josemário Secco, destacou que a Fecomércio e o Basa ouviram as vozes dos empresários, pois, este acordo é de grande importância e facilitará a busca por investimentos e pelo capital de giro. E compeltou “O presidente Raniery Coelho mantém uma estreita parceria com a Associação e isto demonstra a luta pelo sucesso de nossos empresários de Vilhena e de nosso Estado. E a empresa que buscar o Basa com o selo da ACIV e Fecomércio, certamente conseguirá seus investimentos”. O secretário de Turismo, Indústria e Comercio de Vilhena, Eliar Celso Negri, destacou a importância do acordo tão sonhado pelo empresário, que é o de acesso ao FNO com mais facilidades. “Isto possibilitará que o empresário não precisará comprometer seu Capital de Giro, podendo investir em parceria com o Basa”. Já o Diretor Técnico do Sebrae/RO, Hiram Leal, disse que, “Parceria como esta sempre vão de encontro ao desenvolvimento e promovem o sucesso dos empreendimentos. Parabenizo Raniery Coelho pelos esforços demonstrados pela sua administração em prol dos empresários”.

 

Fonte: Ascom - Fecomércio/RO